5 de junho de 2011

Tamanho


Meu tamanho é o mundo e sou da medida do que acredito,
E o que acredito não cabe nesse mundo
Talvez o que acredito caiba em outros mundos e um pedacinho do universo, das galáxias, do vácuo.
Não é tão grande se você pensar que somos parte de algo maior e toda aquela história de Deus e os anjos...

Sou do tamanho dos meus sentimentos diários, que somo aos seus e aos de todos os habitantes da terra.
Sem exagero, sou do tamanho do que vocês não imaginam, porque minha imaginação é fantástica!
Acredito no que meu coração mede e a medida dele é sempre, tão grande.
Existir pra mim vai além daquilo que posso ver ou tocar, vai além do que posso medir. Por isso não tenho medida....

Sei que nasci pra divertir os outros. Mas isso não tem a mínima graça, porque o palhaço é sempre o ultimo a saber.
Me divirto do tamanho do meu sorriso, não só o que vocês podem ver, mas quando sorrio por dentro, sabe?
Tenho o mundo dentro de um peito tão pequeno...

Meu corpo precisa sentir e esse sentir às vezes é maior do que minha cabeça está acostumada.
Falo em se perder às vezes e não conseguir medir o caminho de volta.
Falo, em sentir-se sem medida pra tantos sentimentos...
Sou maior do que tudo isso aqui, vocês não fazem ideia!

2 comentários:

Annie Manuela disse...

Sabe que ás vezes me sinto assim também... "Do tamanho dos meus sentimentos".
Adorei o post.

Victor Manfredine disse...

Se sentir maior do que tudo que você acredita ou faz, na verdade é uma situação ou circunstância de quem vive (e vive mesmo).
O importante é experimentar coisas e sabores, lugares e sensações novas a cada instante, sabendo aproveitar e crescer com cada nova experiência.
Assim você vai crescendo junto.
Não tem perigo nenhum, desse espaço acabar - a gente só acha que acaba - mas nem...